33% dos projetos de investimento estrangeiro no Brasil foram interrompidos

    Em 2016, 180 projetos empresariais no Brasil receberam capitais de investidores estrangeiros. O número, no entanto, é 33% menor do que o registrado no ano anterior. A informação foi divulgada no relatório “The fDi Report 2017”, publicado em 25 de maio pelo jornal britânico Financial Times.

    Segundo o documento, o mercado brasileiro foi, durante o ano passado, destino de US$ 12,1 bilhões em investimentos provenientes de outros países. Com essa atratividade, o Brasil representou 17% do total investido na América Latina e no Caribe, tendo sido o segundo maior destino dessas regiões – atrás apenas do México.

- Continua depois da publicidade -

- - -

    Esses números, entretanto, demonstram que o investimento estrangeiro destinado ao Brasil caiu 33% em termos de projetos, 28% em capital investido e 15% em trabalhadores contratados.

    O investimento do Brasil em outros países, por outro lado, foi de US$ 2 bilhões, destinados a financiar 48 projetos empresariais no exterior. O montante investido foi 5% maior do que em 2015, mas o número de projetos caiu 11%.

    Em 2015, o Brasil já havia registrado quedas de 0,2% no capital total investido no exterior e de 17% no número de projetos de investimento. Em termos de investimento brasileiro no exterior, o total investido havia crescido 90% em relação a 2014, enquanto o a quantidade de projetos havia caído 4%.

    O relatório “The fDi Report” é elaborado anualmente pela fDi Intelligence, a unidade do Financial Times dedicada ao estudo dos fluxos de Investimento Direto Externo (IDE) a partir da base de dados fDi Markets.

Leia também:


Netos de portugueses terão direito
à nacionalidade portuguesa

FMI atualiza previsões para o PIB
dos países de Língua Portuguesa

 

A situação atual da
economia do Brasil

 

 

Acompanhe a Mercados & Estratégias