Brasil aumenta linha de crédito para Angola

    O Governo do Brasil aumentará a linha de crédito para investimentos no mercado angolano, como anunciou o embaixador brasileiro em Angola, Norton Rapesta, em entrevista ao Jornal de Angola.

    Segundo Rapesta, os Governos dos dois países já assinaram um acordo para aumentar em US$ 52 milhões a linha de financiamento que, hoje, é de US$ 500 milhões. O diplomata acrescentou que o Executivo angolano paga esse crédito com remessas de petróleo bruto.

    O embaixador afirmou, ainda, que o Governo brasileiro está em negociação com responsáveis das Alfândegas dos dois países com o objetivo de tentar reduzir os custos do frete no comércio entre Angola e Brasil.

Acompanhe a Mercados & Estratégias