"O futuro próximo de Moçambique", por Prof. José Paulo Oliveira

    Moçambique tem sido receptor de grandes investimentos internacionais, sendo um país com elevada capacidade de atração de IDE e muito elevado retorno dos investimentos efetuados, alicerçado num rápido crescimento econômico e potencial extraordinário para a exploração de recursos naturais.

    No entanto, graves problemas ensombram Moçambique no curto prazo. A Política Monetária conduziu a um elevado risco de desvalorização cambial, com pressões inflacionistas, que apresentam consequências sociais conhecidas, que no passado contribuíram para as “crises do pão” e não só, que podem ser agravadas pelo contexto de “doença holandesa” em que a economia moçambicana vive atualmente. O risco de crise financeira associada à falta de divisas internacionais, potenciado pelo previsível aperto fiscal, urgência de equilíbrio nas contas públicas e uma conjuntura desfavorável de preços internacionais dos recursos naturais, criam um contexto ao qual a instabilidade política, militar e a profunda assimetria entre o Norte e o Sul do país, com tensões políticas em primeiro plano e diferenças culturais e religiosas profundas, servem de pano de fundo preocupante não apenas para os moçambicanos, mas também para todos os que têm interesses no país.

    O relatório Moçambique Outlook 2016, sobre o futuro próximo de Moçambique, dá-lhe acesso a informações classificadas, análise económica, política, social e de geoestratégia que lhe permitirá compreender o que irá acontecer nos próximos tempos em Moçambique e que poderá sustentar a sua tomada de decisão de investimento, negócio ou percurso profissional, baseado em informações concretas sobre o país e com conhecimento real sobre o cenário para o futuro próximo.

    A economia de Moçambique tem um potencial muito elevado de crescimento e enormes oportunidades de negócio. Sendo uma das estrelas do desempenho econômico projetado para o longo prazo. No entanto, também apresenta riscos elevados e tem características setoriais assimétricas que obrigam a conhecimento aprofundado e detalhado sobre a realidade local para evitar os perigos de más decisões. Este relatório contempla também uma análise setorial e regional sobre as oportunidades mais relevantes para a realização de negócios e investimentos.

    Esse relatório, totalmente produzido em inglês devido ao interesse manifestado por várias organizações internacionais, tem 24 páginas e inclui informações classificadas, análise política e social, análise geoestratégica do futuro de Moçambique, análise e previsão macroeconômica e orientações para a estratégia empresarial, bem como análise de mercados e setores de atividade. 

Leia também:

A situação atual da economia de Moçambique

Portugal recebe conferência moçambicana sobre desenvolvimento econômico

Assinado acordo que permitirá liberalização do comércio entre Moçambique e Portugal

PUBLICIDADE

Acompanhe a Mercados & Estratégias