São Tomé e Príncipe enfrenta queda nas exportações de cacau

    No primeiro semestre de 2015, São Tomé e Príncipe registrou uma queda homóloga de 44,4% na exportação de cacau, produto de maior peso na pauta exportadora do país.

    De acordo com o Instituto Nacional de Estatísticas santomense (INE), entre janeiro e junho o país exportou 803 toneladas de cacau, o que gerou uma receita de cerca de US$ 2,3 milhões. No entanto, no primeiro semestre de 2014 as receitas das vendas do mesmo produto foram de pouco acima de US$ 4 milhões.

    Essa forte queda, que segundo o INE foi gerada principalmente por uma quebra na produção de cacau, levou a uma diminuição de mais de 30% das exportações totais de bens de São Tomé e Príncipe no mesmo período. Fonte: Macauhub/ST.

Acompanhe a Mercados & Estratégias